Total de visualizações de página

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

A Conciência voz de Deus em nós

Caros Irmãos em Cristo,
Saudações!


Nota de Esclarecimento:
Este Blog é excenssialmente Católico Apostolico Romano. Aceitamos quaisquer teores e/ou opiniões com este enfoque. Não será admitido nele quais tipos de preconceitos, conforme exposto na
Lei 7716/89 | Lei nº 7.716, de 5 de janeiro de 1989
conforme Art. 1º Serão punidos, na forma desta Lei, os crimes resultantes de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional. (Redação dada pela Lei nº 9.459, de 15/05/97).


Iniciamos hoje, 14 de Janeiro de 2011 refletindo sobre o pensamento do Beato Cardeal Henry Newman, beatificado pelo Papa Bento XVI em 19 de Setembro de 2010, que nos diz:



“Consciência é a voz de Deus na natureza e no coração do homem... A Consciência é o vigário primitivo de Cristo, um profeta nas informações, um monarca na peremptoriedade, um padre nas bênçãos e anátemas... A consciência tem seus direitos porque tem seus deveres... Aquele que age contra a sua consciência perde a alma”. Beato Cardeal Henry Newman.


Vivemos tempos extremamente difíceis. O homem cada vez mais se afasta de Deus e de seus desígnios. As ciências tentão em vão refutar a existência de Deus, como se ela própria pudesse se bastar por si mesma.

“Examinei todas as coisas que se fazem debaixo do sol. Pois bem, tudo é vaidade e aflição do espírito!” Ecle-1,14.

Convido a todos os que lêem neste instante este Blog, a uma profunda reflexão deste momento. Será que em nossa consciência ainda clama a voz de Deus que diz:

“Pois agora, então — oráculo do SENHOR — voltai para mim de todo o coração, fazendo jejuns, chorando e batendo no peito! Rasgai vossos corações, não as roupas! Voltai para o SENHOR vosso Deus, pois ele é bom e cheio de misericórdia! É manso na raiva, cheio de carinho e retira a ameaça!” Joeal-2, 12-13.

É hora pois meus irmãos, de voltarmo-nos para Deus em seu amado filho e Nosso Senhor Jesus Cristo. Com todo o nosso coração imploraremos sua misericórdia. Vamos cumprir fielmente os nossos preceitos: A assistência diária da Santa Missa com a recepção da sagrada eucaristia, as confissões freqüentes (semanais), a oração pessoal diária, os pequenos atos de fé: esmolas, orações pelos defuntos e pela conversão do mundo.
O Tempo, apezar de contraditório é campo promissor para ajudarmos aos nossos irmãos a seguir firmes e resolutamente decedidos nos caminhos da Fé, Esperença e Caridade.
Façamos constantemente nosso exame de consciência e prestemos contas ao Sacerdote perfeito Cristo Jesus de nossas falhas para com ele e os nossos Irmãos.
«Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, que Eu hei – de  aliviar-vos. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração e encontrareis descanso para o vosso espírito. Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.» Mat-11,28-30.

Desejo-lhes um Ano Novo pleno de saúde, paz e caridade,
Antonio Garcia


Oração do Abandono (Charles de Foucauld)
Meu Pai,
Eu me abandono a Ti,
Faz de mim o que quiseres.
O que fizeres de mim,
Eu Te agradeço.
Estou pronto para tudo, aceito tudo.
Desde que a Tua vontade se faça em mim
E em tudo o que Tu criastes,
Nada mais quero, meu Deus.

Nas Tuas mãos entrego a minha vida.
Eu Te a dou, meu Deus,
Com todo o amor do meu coração,
Porque Te amo
E é para mim uma necessidade de amor dar-me,
Entregar-me nas Tuas mãos sem medida
Com uma confiança infinita
Porque Tu és...
Meu Pai!

(Charles de Foucauld)



Nenhum comentário:

Postar um comentário

“Todo o conteúdo destes Blog é livre para uso, até porque o Espírito Santo não cobra 'Direitos Autorais' ”